12 de maio de 2014

5 livros em que a mãe é uma personagem importante na história


Bem, ontem foi o dia das mães e, já que ainda estou no clima dessa data que homenageia pessoas tão importantes na nossa vida, decidi fazer um top 5 literário diferente, hoje mostrarei 5 livros em que a mãe é uma personagem importante na história, espero que vocês gostem da seleção de livros e não sei se esse post vai sair exatamente no dia 12 de maio, mas ele tá sendo feito nesse dia e é isso o que importa! Haha Vamos aos livros:

A Culpa é das Estrelas


A senhora Grace Lancaster desempenha um papel muito importante nesse livro, sendo fundamental para o desenvolvimento da história! Ela participa em várias decisões da Hazel e, olhe bem, se ela não tivesse dito à Hazel para ir ao grupo de apoio em vez de ficar assistindo maratonas de American Next Top Model, ela jamais teria conhecido o Augustus, ou seja, a mãe dela é a grande causa do romance tão amado entre esses dois jovens que sofrem de câncer! Enfim, a mãe da Hazel é uma linda e vale muito á pena ler esse livro! [+]

Divergente


A mãe da Tris é muito importante, ela guarda um segredo que só é revelado ao leitor no final do livro e é um segredo que me surpreendeu, ela tem um final heroico e desempenha um papel muito importante na trama de toda a história. O amor que ela sente pela Tris faz com que ela faça coisas das mais inacreditáveis para defender sua filha e enfim, o livro é muito, muito bom e eu já li e ainda não tem resenha aqui, mas em breve terá! Livro super recomendado (tanto quanto o filme)!

O Ladrão de Raios


Faz muito tempo que li esse livro, mas até hoje ainda lembro das coisas que a Sally Jackson fazia para proteger o seu filho Percy, ela era uma verdadeira heroína e fazia altos sacrifícios para proteger o seu filho, super carismática e amante de azul, a mãe do Percy era um amor de pessoa e é o tipo de mãe de amigo que todo mundo quer ter! Eu já li o livro e adoro a série, a resenha pode ser conferida aqui!

Dezenove Minutos


Ah, esse livro! Sendo uma das melhores leituras do ano passado, Dezenove Minutos conta com a presença da mãe do Peter praticamente em todos os capítulos da história, já que ela era uma mãe super presente e que fazia de tudo para proteger o seu filho, mesmo não conseguindo evitar que ele fizesse o massacre que fez no colégio. Ela é uma mãe perfeita e vale muito á pena ler o livro, não só por ela, como também por todos os outros personagens da história! Para ler a resenha, clique aqui

Cidade dos Ossos


Não só nesse primeiro livro, mas em toda a série dos Instrumentos Mortais, a presença da mãe da Clary na história é bem frequente, já que ela fica em coma e que a gente descobre no decorrer dos livros que tem a ver com magia e muitas outras coisas e enfim, esse primeiro livro não é o meu favorito, mas o resto da série (pelo menos o segundo livro) é muito boa e vale muito á pena lê-la! Resenha aqui.

Abraços,
Gabriel

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fala galera! Vamos conversar um pouco sobre os comentários?

-> Eu adoro ler comentários, sério, gosto muito, mas a gente que é blogueiro percebe quando a pessoa leu o conteúdo do post e quando ela não leu. Por mais que você esteja comentando, a gente percebe que você não leu o post e isso não é muito legal, então comente coisas coerentes ao post, por favor, respeito quem escreveu o conteúdo lendo e comentado coisas inteligentes, comentários com "que legal! Comente no meu blog" não são legais.

-> Se você tem um blog de qualquer gênero, vou adorar conhecer. Talvez não vá lá no dia em que você comentou, ou no dia seguinte, mas mais dia menos dia vou conferir lá, e se você seguir o meu, eu sigo se volta sem nenhum problema!

-> Sem ofensas, por favor. Nunca passei por nenhum constrangimento durante o período de existência do blog e nem quero passar, então respeito é bom e todos gostam.

Comentem à vontade!
Abraços,
Gabriel