5 de maio de 2013

O Autor e os Livros - John Flanagan

Letras de Pijamas
Hoje vim mostrar pra vocês um pouco da vida do autor de Rangers, talvez a postagem seja meio pequena, é porque eu já devia estar dormindo! Mas o sono não vem e tô afim de escrever, então...
O autor tem, no Brasil, apenas duas séries publicadas, a série Rangers e a Ordem dos Arqueiros e a série Brotherband, que foi seu último lançamento: Os Exilados. Todos os seus livros foram publicados pela editora Fundamento que é, como todos devem saber, uma editora focada mais nos livros infanto-juvenis. 
Originalmente, escreveu estes livros para encorajar seu filho a ler. Michael era um garoto pequeno, assim como Will no livro, e todos os seus amigos eram maiores e mais fortes que ele. John queria mostrar que ler era divertido e que os herois não precisam ser fortes e grandiosos. 
Começou como publicitário, depois se tornou escritor e editor de textos. Criou dingles para comerciais, folhetos e videos coorporativos. Também foi autor de comédias e dramas da TV.Em 2008 ele ganhou os prêmios de livro do ano para jovens e de sucesso internacional da Australian Publishers Association pelo livro Erak's Ransom.
Ele nasceu em SydneyAustrália22 de maio de 1944) e é um escritor australiano.

Brotehrband (série)
O pequeno e franzino Hal nunca conheceu o pai, um dos maiores guerreiros que defenderam o reino de Escândia. Bem diferente dele, Hal em nada se parecia com um forte e bravo lutador, características valorizadas por seus conterrâneos, tradicionalmente valentes homens do mar. Isso e o mais o fato de ele ser filho de uma escrava vinda de Araluen o tornava um estrangeiro em seu país. Mesmo sentindo-se exilado entre seu povo, havia algo que aproximava Hal dos outros garotos - o Brotherband, ou 'irmãos em armas' - um conjunto de treinamentos que simulava as atividades da tripulação de um barco, com equipes que competiam entre si em testes de resistência e força e aprendiam as habilidades necessárias para se tornarem guerreiros invencíveis. Rejeitado pelos líderes dos demais grupos, Hal junta-se a seu grande amigo Stig e a outros renegados e forma o próprio time. Mas um fato inesperado poderá mudar o destino dessa equipe incomum e levá-la a navegar por mares perigosos, rumo a aventuras e batalhas. 

Rangers (série)
Will é um garoto pequeno e frágil que sempre sonhou em ser um guerreiro, assim como seu pai, que nunca conheceu. Ele cresceu no Castelo De Redmont, sob a proteção do Barão Arald, que protegia os filhos de quem havia morrido protegendo o seu Castelo. Quando tem 15 anos, ele não é aceito na escola de guerra por ser muito pequeno, e nem em nenhuma das outras escolas. Halt, o arqueiro, testa Will sem ele saber e constata que ele seria um bom arqueiro, e que aceita Will como seu aprendiz. A partir dai Will começa a ser treinado por Halt. Horace foi criado com Will e os dois sempre brigaram, e Will sempre perdia as brigas por ser pequeno e Horace ser grande e forte. Horace entra na escola de guerra, mas alguns garotos do 2º ano pegam no pé dele, e batem nele. Até Will e Halt ajudarem-no a dar uma lição neles. A partir daí Will e Horace viram grandes amigos. Os arqueiros do reino são misteriosos, alguns acham que são feiticeiros, por andarem sem serem notados. São como uma espécie de agentes secretos do rei. Suas armas, alem do arco e da flecha são as facas, duas mais exatamente: a faca de atirar e a faca de caça. Há vários segredos sobre o manejo das facas, um deles, Horace que aprendeu com Will e Gillan o movimento, usa para vencer o vilão Morgarath. O segredo de andarem sem serem notados são suas capas.
Aclamada pela crítica do mundo todo. Da lista dos livros mais vendido do New York Times. Publicado em mais de 20 países e 2 milhões de cópias vendidas. Vencedor de vários prêmios literário,um verdadeiro Best-Saller. 
Atualmente John Flanagan vendeu os direitos do primeiro livro para ser feito em filme, mas não se tem previsão para lançamento.
Então é isso gente!
Até a próxima!
;)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fala galera! Vamos conversar um pouco sobre os comentários?

-> Eu adoro ler comentários, sério, gosto muito, mas a gente que é blogueiro percebe quando a pessoa leu o conteúdo do post e quando ela não leu. Por mais que você esteja comentando, a gente percebe que você não leu o post e isso não é muito legal, então comente coisas coerentes ao post, por favor, respeito quem escreveu o conteúdo lendo e comentado coisas inteligentes, comentários com "que legal! Comente no meu blog" não são legais.

-> Se você tem um blog de qualquer gênero, vou adorar conhecer. Talvez não vá lá no dia em que você comentou, ou no dia seguinte, mas mais dia menos dia vou conferir lá, e se você seguir o meu, eu sigo se volta sem nenhum problema!

-> Sem ofensas, por favor. Nunca passei por nenhum constrangimento durante o período de existência do blog e nem quero passar, então respeito é bom e todos gostam.

Comentem à vontade!
Abraços,
Gabriel